O mais recente livro de Clayton Christensen trata da teoria do trabalho a ser feito, em que o autor explica com os clientes fazem suas escolhas. Segundo ele, o cliente contrata um produto para fazer um serviço. E essa é a pergunta que as empresas devem fazer: para que trabalho você contratou esse produto? Se você entender os trabalhos do seu cliente, sua estratégia não dependerá mais da sorte. Na verdade, você vai competir contra a sorte, enquanto a concorrência contará apenas com ela. 

Newsletter